História e Bíblia

UMA PONTE PARA O CONHECIMENTO

Translate

Follow by Email

Total de visualizações de página

SEJA UM SEGUIDOR


Olá, seja bem vindo ao blog HISTÓRIA E BÍBLIA! Gostária de convidá-lo a
ser um seguidor. Basta clicar em seguir ao lado e seguir as orientações.
sábado, 29 de agosto de 2009

A Filosofia de "Mensageiro"

O texto abaixo é parte do livro “conquistando Almas” – e foi escrito por um experiente (experiente mesmo, no sentido mais amplo da palavra) missionário. Sua biografia esta repleta de experiências extraordinárias de fé. Ainda que muitos discordem de pontos teológicos defendidos pelo irmão T.L Osborn, certamente, dificilmente encontraremos hoje alguém disposto fazer o ele fez, (e ainda faz).

Então, vale a pena ler o pensamento desse fecundo missionário.




A Filosofia de "Mensageiro"

Nós temos feito de Deus um mensageiro, um entregador de recados. Esquecemos que Ele é o Gerente Geral! Nós nos ocupamos em dizer a Deus para fazer todas as coisas desejáveis que nós mesmos devíamos fazer — visitar o pobre e necessitado, ir e confortar os fracos, abençoar e ajudar os pobres, encorajar os encarcerados, apoiar os fracos e falar com os pecadores. Queremos que o Senhor faça todas essas coisas enquanto nós oramos.

Que religião conveniente que desenvolvemos!


Permitam que eu lhes faça a seguinte pergunta:


Vocês podem me apontar uma única coisa que Jesus Cristo pode fazer em sua cidade ou comunidade sem um corpo através do qual Ele possa operar?


Quando Deus visitou o homem para mostrar-se a Si mesmo, Ele veio num corpo — em carne humana. Jesus Cristo era Deus encarnado.


Eles O mataram. Então Ele voltou na forma do Espírito Santo, para fazer a Sua morada em nossos corpos, como o Seu Templo, Cor. 6.19.


Agora você e eu somos o Seu Corpo.


Você é a Igreja. A Igreja é o Corpo de Cristo. Você é o Corpo de Cristo em sua comunidade.


Cristo ministra através do Seu Corpo hoje da mesma forma em que (Cristo) ministrou através de um corpo humano há mais de 1900 anos passados. Hoje o Seu Corpo é a Igreja — e a Igreja sou EU — o meu corpo, e VOCÊ o Seu corpo.


Nós somos o Seu templo.


Eu sou a Igreja. Eu sou o Corpo de Cristo.


Você é a Igreja. Você é o Corpo de Cristo.


"Porque somos membros do Seu Corpo, da Sua carne, dos Seus ossos". Ef. 5.30

Cristo nada pode fazer, exceto através da Igreja o Seu Corpo. Isso sou EU! Não a minha congregação ou a minha denominação. A Igreja, o Corpo de Cristo sou EU! É VOCÊ se você for um cristão verdadeiro.

Quando você estiver perante Deus, você precisa dar conta das obras que você fez (ou deixou de fazer) pessoalmente; você não será julgado na luz do que a sua igreja fez como um corpo espiritual. Deus não chamará a sua assembléia como uma unidade para julgamento; Ele não julgará o que a sua congregação fez (ou deixou de fazer) como parte do Corpo "incorporado" de Cristo. Você não poderá dizer, "Senhor, o meu pastor falará por mim; eu sou membro fiel da minha igreja e nós trabalhamos como uma unidade, portanto, eu não posso responder como um indivíduo".


Tanto quanto se refere a você pessoalmente perante Deus, VOCÊ é a Igreja; VOCÊ é o Corpo de Cristo.


Nós falamos a respeito da Igreja, ou do Corpo de Cristo como sendo a mística união de crentes, a comunidade dos chamados, e isto é tudo verdade. Mas como toda verdade, ela tem que se tornar PESSOAL, caso contrário será perdida. Temos considerado o Corpo de Cristo no seu sentido geral, coletivo, mas não em sua aplicação pessoal. Cristo deve viver em nós pessoalmente.


"O grande mistério que esteve oculto desde todos os séculos, e em todas as gerações, e que agora foi manifestado aos seus santos" é "CRISTO EM VÓS!" Col. 1.26-27.

Cristo deve ter um corpo através do qual Ele possa ministrar hoje. E esse corpo sou EU — é VOCÊ. Nós somos a Igreja — o Seu Corpo — o Seu Templo.

Isso não quer dizer que nós ignoramos o Corpo de Cristo em seu sentido "incorporado" — constituído de todos os crentes; mas quer dizer que VOCÊ e EU despertamos ao fato de que Jesus Cristo é nascido EM NÓS e que NÓS somos agora o Seu Corpo.


Soa mais correto dizer, "somos membros do Seu Corpo" — e somos mesmos. I Cor. 12.27. Mas este conceito popular de "membro" foi um tanto torcido em sua aplicação de formas que os Cristãos ficam folgados na igreja, deixando o ministério para a "comunidade de crentes".


A igreja, a Escola Dominical, o grupo Missionário de Senhoras, a organização dos homens, o movimento de jovens — eles farão a obra.


Os membros da igreja gostam de saber que a sua igreja está operando. Eles estão dispostos a pagar por isso contanto que algum outro membro faça o trabalho.

Mas o Cristianismo é uma coisa pessoal. Se Cristo veio morar em VOCÊ, VOCÊ é o Seu Corpo — isto é, tanto quanto se refere a você. Ele mora em você porque Ele deseja ministrar ATRAVÉS de você. Ele precisa ter o SEU corpo para alcançar a SUA comunidade. A essência da sua experiência cristã, é CRISTO EM VOCÊ".

Quando Ele estava em Nazaré, "não podia fazer ali obras maravilhosas... devido à incredulidade deles", Marcos 6.5,6. Sem a fé humana por parte do povo, o Seu ministério era então limitado, e sem instrumentos humanos através dos quais Ele possa viver e falar, Ele está hoje limitado.



OSBORN, T.L. Conquistando Almas. Gospel Publishing House. O.S. Boyer, caixa postal 62. Pindamonhangaba - S. P

0 comentários: