História e Bíblia

UMA PONTE PARA O CONHECIMENTO

Translate

Follow by Email

Total de visualizações de página

SEJA UM SEGUIDOR


Olá, seja bem vindo ao blog HISTÓRIA E BÍBLIA! Gostária de convidá-lo a
ser um seguidor. Basta clicar em seguir ao lado e seguir as orientações.
quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Os principais grupos terroristas do Mundo



Abu Nidhal
O grupo palestino foi formado em 1974 por Sabri Al Banna. Seus ataques têm como alvo Israel.

Abu Sayaf
O grupo terrorista filipino tenta implantar um estado islâmico na região sul do país. A suspeita é de que muitos militantes tenham sido treinados pelos muforam, que por sua vez foram treinados pelos mujahidin, veteranos afegãos, ex-combatentes da guerra contra a União Soviética, em 1988.

Al Qaeda
O grupo é formado pelos colaboradores do milionário saudita Osama bin Laden, acusado pelos atentados contra embaixadas americanas no Quênia e na Tanzânia, em 1998. Bin Laden, que vive escondido no Afeganistão, também é o responsável por ter planejado o ataque aos Estados Unidos, no dia 11 de setembro de 2001. As explosões no Capitólio e nas torres gêmeas do World Trade Center causaram a morte de milhares de pessoas.

Amal
Fundado em 1975 por Iman Musa Sadr, o grupo libanês tem características paramilitares.

Brigate Rosse
As "Brigadas Vermelhas" foram fundadas na Itália, na década de 1960. Foi o grupo mais atuante nos anos 1970, marcado pelo sequestro e assassinato do primeiro-ministro italiano, Aldo Moro, em 1978.

ESLA (Exército Secreto para a Libertação da Armênia)
O alvo principal do grupo, fundado em 1975, é a Turquia. Pretende defender os direitos históricos do povo armênio.

ETA (Pátria Basca e Liberdade)
Fundado em 1959, o Euskadi Ta Azkatasuna luta pela formação do País Basco, que ficaria situado parte no norte da Espanha e parte no sul da França. O primeiro atentado foi cometido em 7 de junho de 1968, e provocou a morte de Meliton Manzanas, chefe da polícia da cidade de San Sebastián. A organização praticou o maior ataque em 1980, deixando 118 mortos.

FLNC (Frente de Libertação Nacional da Córsega)
Fundado em maio de 1976, o grupo luta pela independência da ilha de Córsega. O movimento age por meio de ataques a bomba.

Hamas (Movimento da Resistência Islâmica)
O grupo extremista foi criado em 1987 depois da segunda intifada (resistência palestina à ocupação do território israelense). Contrário à existência de Israel e ao processo de paz entre palestinos e israelenses, o movimento usa suicidas para promover ataques terroristas em Israel. Atualmente, o Hamas tem a maioria das cadeiras do congresso da Autoridade Nacional Palestina, derrotando o partido menos radical, o Fatah.

Hezbollah
O movimento libanês surgiu na década de 1980. Luta contra a influência ocidental no mundo islâmico e se baseia na doutrina do aiatolá Khomeini, que liderou a revolução islâmica no Irã. O grupo se manifesta por meio de atentados a bomba e sequestros de avião.

IRA (Exército Republicano Irlandês)
A organização é formada por representantes da minoria católica da Irlanda do Norte. Ela começou a atuar nos anos de 1960 e defende a reunificação do país com a República da Irlanda, de maioria católica. Cerca de 60% da população da Irlanda do Norte é formada por protestantes. Os unionistas, como são chamados os protestantes, querem que o país continue ligado ao Reino Unido.

Jihad Islâmica
A organização foi formada no Egito, em 1980, por jovens palestinos. Atacar alvos israelenses é uma forma de estancar o processo de paz entre Israel e a Organização para a Libertação da Palestina (OLP). Ela é apontada como responsável pela morte de 18 soldados israelenses em um ponto de ônibus na cidade de Beit Lid, em 1995. O grupo também assumiu a autoria de um atentado suicida em 12 de agosto de 2001, que feriu 15 pessoas em um restaurante na região norte de Israel.

Ordine Nuovo
O grupo italiano de extrema-direita foi fundado na década de 1950. Ele foi substituído pelo Ordine Nero, que assumiu a autoria do atentado a um comboio que ia de Nápoles para Milão, em 1984, no qual morreram dezenas de pessoas.

PKK (Partido Curdo dos Trabalhadores)
A organização pretende estabelecer um estado curdo para abrigar uma população de cerca de 20 milhões de pessoas, espalhas na Turquia, na Síria, no Iraque e no Irã. O grupo foi criado em 1978 e é liderado por Abdullah Ocalan, o "Apo", que mora em Damasco. Os alvos turcos são os preferidos.

Rote Armee (RAF)
A "Facção do Exército Vermelho" surgiu na década de 1970, na Alemanha, a partir do grupo Bader Meinhof. Com ideologia marxista-leninista, o grupo ataca empresas multinacionais, instalações da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte) e órgãos públicos alemães.

White Power
O grupo atua nos Estados Unidos e é formado por organizações paramilitares racistas de extrema-direita. O representante mais famoso da organização é o ex-soldado Timothy McVeigh, executado com uma injeção letal no dia 11 de junho de 2001. Ele foi considerado culpado pela explosão de um prédio federal em Oklahoma, em abril de 1995, que deixou 168 mortos.

Taleban
O grupo foi formado por estudantes de teologia islâmica que lutavam contra o regime comunista no Afeganistão durante a Guerra Fria. Em 1996, liderados por ex-combatentes afegãos da guerra contra a União Soviética, o Taleban tomou o poder e implantou rígidos códigos religiosos de conduta. O grupo domina cerca de 90% do país.

Tigres do Eelam Tamil
O grupo age desde 1976 no Sri Laka em defesa de uma etnia. Com outra cultura e idioma, ele reivindica a criação de um Estado próprio na parte ocidental da ilha, de maioria cingalesa. Em 17 de maio de 2009, os Tigres admitiram a derrota após 25 anos de guerra civil. A rendição está ligada à morte do principal líder do grupo, Vellupillai Prabhakaran.

Tupac Amaru (MRTA)
O Movimento Revolucionário Tupac Amaru é uma guerrilha peruana ligada ao grupo Sendero Luminoso. Sua ação mais conhecida foi a invasão da embaixada do Japão, em Lima, durante uma festa de ano novo.

(Fonte: Guia dos Curiosos)

0 comentários: