História e Bíblia

UMA PONTE PARA O CONHECIMENTO

Translate

Follow by Email

Total de visualizações de página

SEJA UM SEGUIDOR


Olá, seja bem vindo ao blog HISTÓRIA E BÍBLIA! Gostária de convidá-lo a
ser um seguidor. Basta clicar em seguir ao lado e seguir as orientações.
quinta-feira, 6 de maio de 2010

Mãe – Uma construtora do lar.



Mãe – Uma construtora do lar.


“A mulher sábia edifica a sua casa” (Provérbios 14.1)


O sábio Salomão, neste verso, aponta o papel da mulher – edificadora de casa.


Mas não é qualquer mulher, mas sim aquela mulher que têm o cuidado do lar – a Mãe de família! (Estranho a expressão? Será que apenas existe o Pai de família e não também a Mãe?!).


O texto, apesar de não dizer explicitamente, trata de uma mulher que é mãe. Pois é ela quem tem o papel de ação numa família .


Casa é o termo que se aplica à família.

Edificar é o termo que se aplica a construir.


A mãe, na cultura judaica é aquela que ficava em casa, enquanto o pai estava na labuta do trabalho.


Sendo ela quem atuava diretamente dentro do seio familiar, mediando às relações entre pai e filhos e filhas. Era ela ainda quem percebia quais eram as necessidades, urgências e problemas da família como um todo e de cada individuo dela. Sendo assim o sábio rei Salomão, percebeu que era a mulher quem edificava, ou seja, construía (edificava) a família (casa).


Atentemo-nos a expressão: EDIFICA.


Não é edificou (e por isso acabou!).

Não é edificará (e futuramente ela atuará!)


É uma ação constante, ela edifica, agora, e em todo momento, e sua falta pode acarretar em obra parada, incompleta e abandonada!


Por isso a Mãe é a edificadora, a mantenedora da estrutura do edifício denominado LAR!

Aqui Salomão vê a família como um edifício, e o pedreiro, a mulher (certamente dentro do contexto judaico, uma mãe).


É papel da mãe elaborar a estruturação e construção desse edifício.


Porém, o que pode ser essa construção?

Uma simples cabana ou uma mansão?


Isso vai depender da habilidade daquela que edifica. Com mãos (conselhos, orientações) habilidosas ela poderá fazer da pequena casa um verdadeiro palácio, aonde o pai quando chega a casa se sente um rei, e os filhos e filhas, príncipes e princesas, mesmo que na verdade a casa (material) seja humilde e simples.


Esse é o poder que a Bíblia diz que a mulher (mãe do lar) tem!


Pode fazer com que uma casa seja uma sólida, acolhedora e bela família.


Contudo ela não deve esquecer que “se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam” (Salmo 127.1). Logo a mãe agindo na dependência da orientação divina certamente terá êxito na construção que edifica!


(Alexandre L M Brandão)



0 comentários: